MEUS LIVROS

Captura de Tela 2016-05-28 às 16.53.49MIL TONS, O MEU MILLÔR (e-galáxia, 2016)

Uma biografia muito particular de Millôr Fernandes, um dos maiores artistas do nosso tempo. Um passeio pela vida do cartunista, jornalista, tradutor, autor, artista plástico, diretor, pensador e muito mais. Um dia, Millôr disse que iria escrever sua autobiografia, só não tinha decidido ainda se ele morreria no final.

 

 

 

61wTYnZFlkL

A ALMA DO NEGÓCIO (Editora Globo, 2014)
O livro ‘A alma do negócio – como eram as propagandas nos anos 50, 60 e 70’, nos leva de volta a uma época pré-tecnológica quando ainda não existiam os computadores e os celulares. Na impressionante coleção de livros, discos e revistas que possui, Villas garimpou as raridades que compõem este livro.

COMPRAR

 

 

61732869

THE BOOK IS ON THE TABLET (e-galáxia, 2013)

As crônicas de Alberto Villas, originalmente publicadas no site da Carta Capital e agora reunidas neste e-book com o nome sugestivo de The book is on the tablet, poderiam ser imaginadas assim: páginas amareladas de um jornal, espécie de catálogo com o nome dos mortos.

COMPRAR E-BOOK

 

 

dicionario

PEQUENO DICIONÁRIO BRASILEIRO DA LÍNGUA MORTA (Editora Globo, 2012)

Alberto Villas procurou reunir em ‘Pequeno dicionário brasileiro da língua morta’ palavras que considera hilárias e curiosas que caíram em desuso. Na obra, é possível descobrir que café com leite tinha três significados, por exemplo. O jornalista busca mostrar como a língua portuguesa tem um rico vocabulário e sofre mutações ininterruptamente.

COMPRAR  / E-BOOK

 

 

tempo

ONDE FOI PARAR NOSSO TEMPO? (Editora Globo, 2010)

Brasil, anos 60 e 70. Na época, o achocolatado em pó demorava muito para desempelotar no leite, e as massas de bolo (que não era comprado pronto) precisavam ficar um tempo descansando. Lata de azeite só se abria com um preguinho, e as fraldas de pano precisavam ser lavadas. Essas são algumas das 50 situações que estão no livro ‘Onde foi parar nosso tempo?’ do jornalista Alberto Villas.

COMPRAR / E-BOOK

 

 

admiravel

ADMIRÁVEL MUNDO VELHO (Editora Globo, 2009)

‘Admirável mundo velho’ é um livro de histórias e ‘causos’ de personagens que, devido a alguma situação cotidiana utilizaram expressões como ‘tô frito’, ‘ele tem um parafuso a menos’, ‘tomou um chá de cadeira’ e outros. O autor narra de maneira divertida às circunstâncias em que as expressões foram utilizadas.

COMPRAR

 

 

livro13_capa-100x155CARMO (Editora Conceito, 2007)

‘Carmo’ conta histórias do bairro de Belo Horizonte onde Alberto Villas nasceu, em 1950. Leia um trecho: “Enquanto algumas donas-de-casa reclamavam do barulho das máquinas, da algazarra dos peões e da poeira vermelha que se levantava, a meninada corria para o local da grande obra porque queria ver as primeiras terraplanagens, aqueles caminhões enormes trazendo areia, cimento, cal e pedra, a máquina de asfaltar soltando um cheiro forte de piche e aquelas jamantas que depositam em vários pontos manilhas feitas de concreto e pedra. Estava nascendo a Br-3!”

COMPRAR

 

 

parisAFINAL, O QUE VIEMOS FAZER EM PARIS? (Editora Globo, 2007)

‘Afinal, o que viemos fazer em Paris?’ conta a história de um jovem jornalista que, em 1972, quando o Brasil vivia a pior fase da ditadura militar, foi para Paris para fugir da atmosfera que havia se tornado irrespirável. ‘Afinal, o que viemos fazer em Paris?’, conta as memórias desse exílio voluntário na capital francesa.

COMPRAR

 

 

mundoacabouO MUNDO ACABOU (Editora Globo, 2006)

Livro de memórias do jornalista Alberto Villas, retrata a infância e a juventude do autor em um Brasil mais inocente e cordial. Deixando de lado uma cronologia rígida, a obra é dividida em pequenos textos, esquetes com lembranças que se prestam a uma aproximação afetiva com os personagens e histórias da época.

COMPRAR

16 comentários em “MEUS LIVROS

  1. Tenho todos – lidos, relidos, trelidos e presenteados – mas como faço para comprar os dois primeiros (últimos, + recentes) – o book no tablet e o dicionario, mas em papel, dinossaura arcaica que sou, mas AINDA NÃO obsoleta?
    Compliments pelo blog – agora é que não faço mais o meu. Mas se vc quiser mais coisas para o MEMÓRIA, vem buscar aqui a papelada, jornalada, revistada que te ofereci… completando ‘aquela’ Realidade. Retratos da nossa realidade.

  2. Villas, por favor, manda fazer uma nova edição de seu excelente livro O MUNDO ACABOU.
    Está esgotado e há milhares de leitores que gostariam de adquirir o livro.
    Em frente,
    Abs.
    Gerson I. Köhler – Curitiba

      1. Prezado Alberto, consigo adquirir os livros “O Mundo Acabou” , “Carmo” , e “Admirável Mundo Velho” no formato impresso? Seria gratificante poder satisfazer o desejo de leitura de uma senhora prestes a completar 90 anos e ávida por livros pitorescos e que fizeram história.

  3. Prezado escritor Alberto Villas!
    Uma leitura verdadeiramente prazerosa de “O mundo acabou!” Para reler, relembrar, reviver.
    Venho aqui puxar à memória a cena do “ovo de madeira para cerzir meias” : vejo nitidamente minha mãe nesse minucioso trabalho manual e tomo a liberdade de fazer um reparo: minha mãe enfiava na meia o ovo, ao contrário da Sindalva que “abria a caixa de madeira, escolhia a cor perfeita e enfiava a meia no ovo de madeira.” Valeu?
    Abraço!
    Monika Stary

      1. Gostaria de comprar o livro o mundo acabou e não estou encontrando em nenhuma livraria do ES.
        Por favor me ajude.
        Obrigado

Deixe uma resposta para Alvarito Baratieri Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s